Jornal do Brasil

Domingo, 19 de Agosto de 2018 Fundado em 1891

Rio - Eleições 2018 - Rio

PT confirma Tiburi candidata ao governo

Professora diz que, se eleita, quer que escolas funcionem em horário integral

Jornal do Brasil

O Partido dos Trabalhadores (PT) confirmou, ontem a noite, a professora Marcia Tiburi como candidata da legenda ao governo do Estado do Rio, durante a convenção estadual, que aconteceu na sede da Associação Brasileira de Imprensa (ABI), no Centro do Rio. O senador Lindbergh Farias (PT-RJ) também foi apresentado como candidato à reeleição no Senado pelo partido no Rio de Janeiro.

Diante de um auditório lotado, Marcia afirmou que, se eleita, vai procurar incrementar o setor de economia criativa; investir na geração de emprego e renda; e universalizar o período integral nas escolas públicas da rede estadual. “Temos compromisso é com a população do Estado do Rio. Ninguém aqui tem medo de ser feliz. Nós queremos ampliar a nossa conversa. Nós queremos melhorar a vida das pessoas com trabalho e emprego. Vamos construir um novo futuro juntos”, discursou.

Tiburi é formada em Filosofia e Artes na Universidade Federal do Rio Grande do Sul, onde fez mestrado e doutorado em Filosofia

Confirmado como representante do PT na corrida por uma das duas vagas do estado no Senado Federal, Lindbergh Farias elogiou a escolha do partido por Marcia Tiburi. “Ela foi um grande achado do presidente Lula. Uma pessoa que vem de fora da política tradicional, e nós, da esquerda, precisamos dessa renovação. É uma mulher trabalhadora, que levanta uma discussão concreta sobre as mulheres mais pobres, que na crise são as que mais sofrem. Eu sou 100% Márcia Tiburi”, afirmou o senador petista, que vai tentar a reeleição este ano e foi prefeito de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, entre 2005 e 2010, quando se elegeu como senador mais votado do Rio, com 4.213.749 votos, o correspondente a 28,65% dos votos válidos.

Lideranças estaduais do partido presentes ao evento reafirmaram que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva terá sua candidatura à Presidência da República registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), no próximo dia 15 de agosto. Apesar de o ex-presidente estar inelegível por conta da condenação em segunda instancia pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), no processo do tríplex, os petistas acreditam que o parecer do TSE poderá ser favorável ao candidato e reverter a situação.



Tags: eleições, marcia tiburi, partido, política, pt

Compartilhe: