Jornal do Brasil

Segunda-feira, 23 de Janeiro de 2017

Esportes - Olimpíada 2016

Pesquisa mostra que brasileiro foi do pessimismo ao orgulho em relação aos Jogos Rio 2016

Jornal do Brasil

Um estudo realizado antes e durante a Olimpíada revela como a opinião do brasileiro mudou do pessimismo ao orgulho com relação à realização dos Jogos Rio 2016. A pesquisa acompanhou quase cinco milhões de postagens sobre o evento na internet em todo país e fez mais de 140 grupos de discussão desde janeiro de 2015 no Rio de Janeiro e em São Paulo. As conclusões foram apresentadas, na última quinta-feira (08/09), no Rio Media Center, pela agência Nova/SB e pela plataforma Torabit, ambas organizadoras do estudo. A principal conclusão foi que, para os brasileiros, os Jogos Olímpicos foram um sucesso e que nada do que temiam antes do evento ocorreu.

"O evento foi de fato uma virada de chave de pessimismo para orgulho que começou muito forte na cerimônia de abertura. E esse clima de otimismo cresceu durante o evento olímpico", disse o diretor de planejamento da agência Nova/SB, Sérgio Silva.

Antes dos Jogos, a percepção dos participantes dos grupos de discussão era de que havia um desvio de prioridades do país ao realizar um evento como os Jogos Olímpicos em um período de crise econômica. Os participantes da pesquisa também relatavam medo de passar vergonha caso as obras não fossem concluídas ou se a infraestrutura não suportasse as demandas do evento.

Durante a Olimpíada, porém, os grupos passaram a relatar otimismo com relação não apenas aos Jogos, mas também com o legado olímpico. Os ganhos de mobilidade urbana, como a Linha 4 do metrô, o VLT, o BRT, foram um consenso para todos. Também foram citadas a possibilidade de uso posterior das instalações olímpicas e a geração de empregos, ainda que temporários, durante os Jogos Olímpicos. O estudo mostrou ainda que a Olimpíada trouxe uma mensagem de união para os brasileiros.

"A gente sabe que o Brasil tem passado por um momento de crise econômica e que, em momento de crise, as pessoas tendem a ter um comportamento mais individualista. Os Jogos Olímpicos geraram essa mensagem de união, algo como ‘olha, o brasileiro, mesmo que tenha a crise, conseguiu se unir e fazer um evento bem feito", destacou Silva.

De acordo com a pesquisa, os brasileiros também consideram que o grande responsável pelo sucesso dos Jogos Olímpicos foi o povo, que foi acolhedor e competente para receber atletas e turistas e que fez o evento efetivamente acontecer e ser bem-sucedido.

Para medir a percepção dos brasileiros na internet, a plataforma Torabit analisou cerca de cinco milhões de postagens em redes sociais, sites e blogs. O estudo mostra que, durante o período dos Jogos, o principal termo que acompanhou as postagens foi "Brasil". E os nomes mais citados "Bolt", "Neymar", "Phelps", "Rafaela Silva" e "Thiago Braz".

Em sua análise, a Torabit observou que as intolerâncias nas redes sociais com relação às questões de gênero, cor e sexualidade caíram durante a realização dos Jogos Olímpicos. As menções negativas sobre raça eram de 98% nos três meses que antecederam os Jogos. Durante o evento, representaram 39%.

"Nós tivemos muitas mensagens neutras, pessoas que tocavam no assunto, mas sem xingar ou falar de forma debochada sobre o assunto", explicou o fundador da plataforma, Caio Tulio Costa. 

Tags: 2016, jogos, olimpíadas, POPULAÇÃO, Rio

Compartilhe: