Jornal do Brasil

Sexta-feira, 24 de Março de 2017

País - Opinião

A corrupção de cima para baixo

Jornal do Brasil

Os bancos, alicerces fundamentais no processo capitalista, estão envolvidos em escândalos na Operação Zelotes.

Os empreiteiros estão envolvidos em todos os escândalos, destruindo uma nação de 200 milhões de habitantes.

Na indústria - do pato -, aquele que deveria ser o exemplo, a referência por ser seu presidente, é citado em delações premiadas em casos de caixa 2 de campanha eleitoral.

No comércio, importantes empresários do conselho de desenvolvimento econômico e até autoridades que hoje são ministros, têm seus nomes envolvidos numa nova operação que revolta o povo pelo descaso com sua saúde. É quase uma operação sanguessuga.

País vive uma série interminável de escândalos
País vive uma série interminável de escândalos

Hoje, o procurador Celso Antônio Três - que atuou nas investigações do escândalo do Banestado, nos anos 1990 - afirma que a Operação Lava Jato pode destruir o país. 

No caso Banestado - quando um ministro do Estado casado com uma senhora responsável pelo Coaf conhecia todos os detalhes da investigação -, a evasão de dólares chegou à casa dos US$ 124 bilhões. E os envolvidos estão aí, alguns indo até a passeatas contra a corrupção.

Com tantos escândalos, é preciso fazer reflexão: será que o procurador Celso Antônio Três tem razão? Será que haverá uma destruição total? Será melhor isso para que se recomece um país novo?

Ainda é tempo desse ser um país do futuro. A idade média da população já subiu bastante, mas em compensação ainda temos os 80 milhões de brasileiros menores de 25 anos, prontos para começar um país novo.

Tags: autoridades, brasil, Corrupção, crise, propina, ROUBO

Compartilhe: